Dope Body
Acid Acid

24 Setembro 2015 · 23h00 · Sabotage Club

Passasse Michel Giacometti pelo Sabotage no próximo dia 24 de Setembro e não teria muitas dúvidas em calcular a proveniência de Dope Body – Baltimore. Exercício sempre difícil o de catalogar uma banda pela sua proveniência, quanto mais não seja pelos estereótipos e cristalização que podem gerar. Todavia, as guitarras em velocidade e assimetria quanto baste, a voz em forma de punho cerrado e a convocar para estados de permanente alerta, baixo e bateria a acompanhar tamanha mistura não poderiam, muito certamente, ter a mesma proveniência que a do adufe. A vida não se pinta em tons cor-de-rosa. Em Baltimore os tumultos que tiveram como origem a violência policial e a discriminação racial, na Europa crianças que agarradas aos pais procuram uma vida, ou na versão optimista, uma fuga da morte bem-sucedida.
Será a primeira vez da banda em Portugal para apresentação de temas bem conhecidos e do mais recente álbum Kunk. Será sobretudo um concerto, que também tem muito de consciência social, na boa linhagem punk, noisy, ou seja, na boa linhagem da música.

ACID ACID a proeza singular por territórios longínquos, intensos de cor e com as pulsões de uns quantos buracos negros. Viajar. Viajar sempre e como referência. Destino? O desconhecido. Criado em finais de 2014, Acid Acid é Tiago Castro, homem há muito ligado à música, do outro lado da galáxia, do lado de quem a comunica.
A sua música é construída paulatinamente, com cada camada a revelar um novo trilho num universo muito particular. A guitarra une-se aos sons espaciais dos órgãos. A matéria e o vazio nas diferentes composições, e de súbito a tempestade. Tiago Castro fá-lo com explosões sónicas, dissonantes, sem receio de quebrar as paredes da nave espacial que habita e habitamos.
Depois da actuação no Reverence Valada as paredes da nave irão quebrar com toda a certeza.

Evento Facebook
Cartaz Kookoo

Morada Sabotage Club : Cais do Sodré, Rua de São Paulo, 16, 1200-248 Lisboa

 

 

>